Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2017

O dia em que quase liderei uma (micro) revolução

Imagem
De casa pro trabalho são uns 3 Km. Dez minutos. É perto. Indo, sempre passo por uma ruazinha estreita, por dentro de um bairro que atravesso, até o colégio. Nem é um atalho, é o caminho lógico. O mais "reto". No horário do rush, seis e pouca, evito passar por lá porque os moradores estacionam no meio fio e, apesar de mão dupla, quando tem carro estacionado, a rua não tem largura pra o fluxo indo e voltando. E ninguém resolve. Coisas do trânsito soteropolitano. 
Essa semana voltei, fim de tarde, pela dita ruazinha. Até chegar à metade dela (justamente quando já não dá pra fazer manobra desistindo da rota) ia tudo bem. Mas já havia três carros estacionados, obrigando a mão dupla se alternar em mão única em trechos já apertados. Pois bem. Depois de um Toyota Corolla prata, que ia na minha frente, dirigido por uma jovem senhora bem maquiada, passei o primeiro trecho e aguardava a vez, no segundo aperto de mão única. Só que havia um impasse: um morador aguardava portão abrir pra…